Valorização de carros antigos chega a 135%.

Para além de uma paixão nacional, colecionar carros antigos é hoje um dos investimentos de retorno mais garantido no país. A valorização é da ordem de 135% acima da Selic, no período de 10 anos. A conclusão é de um estudo da Fundação Getúlio Vargas (FGV), anunciado na última quarta feira (27/09), e cujo resultado surpreendeu muitos especialistas do mercado financeiro. Para efeito de comparação, o estudo recorreu aos índices de rendimentos em aplicações apurados pelo Banco Central na última década, como caderneta de poupança, o IGP-M e Selic.

Metodologia

O estudo da FGV, coordenado pelo professor Luis Henrique Rigato, da  Escola de Administração de Empresas de São Paulo da FGV (EAESP) analisou 24 modelos de carros antigos entre os anos de 2005-2006 e 20 15-2016. Os dados foram apurados por meio de questionários respondidos por  103 colecionadores e da análise de seis mil anúncios de classificados de vendas de modelos antigos, que segundo os critérios da Federação Brasileira de Veículos Antigos (FBVA) são: ter sido fabricados há mais de 30 anos, conservar as características originais de fabricação e ter o Certificado de Originalidade reconhecido pelo Departamento Nacional de Trânsito (Denatran).

Os cinco modelos antigos que mais valorizaram foram a Kombi Corujinha ano 68 a 75 (135,1%), o Dodge Charger ano 73 a 75 (125,9%), o Dodge Dart 2 portas ano 70  a 73 (117,7%), o Camaro Coupê ano 67 a 69 (116%) e o Maverick GV V8 ano 73 a 76 (75,5%). Os cinco que menos valorizaram foram o Mustang Hard Top anos 66 a 68 (-32,5%), a Mercedes SL anos 73 a 75 (-27,8%), a Rural Willysano 68 a 70 (-13,1%), o Porsche Envemo Super 90  ano 80 a 82 (-5%) e o Camaro conversível ano 67 a 69 (2,4%).

Foi pensando na paixão dos brasileiros por carros antigos que os organizadores da Colecionar 2017 em parceria com o Veteran Car Club de Brasileira para incluíram no evento uma exposição, que vai reunir os modelos mais belos e raros do Distrito Federal.

Assessoria de imprensa da Colecionar 2017

Fotos: https://www.wikipedia.org/

http://portal.fgv.br/noticias/carros-antigos-brasileiros-valorizaram-ate-135-acima-selic-aponta-estudo

https://quatrorodas.abril.com.br/noticias/carros-antigos-valorizam-ate-135-acima-da-taxa-de-juros/